Projeto de lei vai obrigar supermercados a higienizar carrinhos de compra

0
360

pontoProjeto em tramitação na Câmara Municipal, de autoria do vereador Eduardo Tuma, vai obrigar os supermercados que operam na cidade de São Paulo a higienizar, ao menos uma vez a cada quinze dias, os carrinhos de compras utilizados pelos clientes. “O projeto quer oferecer segurança à saúde dos clientes dos supermercados”, afirma Tuma. Segundo ele, esta seria uma forma de evitar a transmissão de doenças e a contaminação dos alimentos transportados por estes carrinhos. “Nosso objetivo é a prevenção”, explica o vereador.

Estarão sujeitos à nova lei, depois de sancionada pelo prefeito, os estabelecimentos comerciais de autosserviço que possuam área de vendas de no mínimo 250 m2, dois check-outs e cinco seções, como por exemplo, mercearia, higiene e limpeza, perecíveis e bazar. “Ao definir o tamanho do espaço de vendas, fica claro que o projeto quer alcançar os locais de maior movimentação de clientes”, explica o vereador.

Tuma acredita que este projeto beneficia tanto o consumidor como o ponto de comércio sujeito à nova lei. “Trata-se de uma ação preventiva, que tem a intenção de proteger os que movimentam os carrinhos de compra e estes são os consumidores, fornecedores, funcionários e até os donos de estabelecimentos”, enfatiza o vereador.

O projeto aguarda sanção do prefeito para entrar em vigor.

Sem comentários

Deixe uma resposta